“Com o tempo”. A Literacia Emergente nos Contextos Naturais

Hoje apresentamos um resumo do 3º Painel das V Jornadas Deficiência Visual & Intervenção Precoce – Literacia Emergente para a Cegueira.

“Com o tempo”. A literacia Emergente nos contextos naturais

k_comotempo

Descrição da fotografia: Capa do livro “Com o Tempo”, editora Planeta Tangerina. 

O painel foi introduzido com a leitura de um texto, interpretado por Patrícia Valério, elemento da equipa do CAIPDV:

img_9561

Descrição da fotografia: Patrícia Valério a ler texto de introdução do Painel 3. 

Ouvia-se:

Neste último painel tivemos por referência o livro Com o Tempo de Isabel Minhós Martins e Madalena Matoso.

Que tempo tão privilegiado… o de agora, o de hoje, onde debatemos a literacia emergente, no tempo em que as nossas crianças ainda dela podem usufruir…

Que tempo tão privilegiado é o delas, é o de ser criança, é o de viver a infância, entre risos e gargalhadas, brincadeiras inusitadas, sem pressa de carregar o tempo, com o peso de quem tem de o deter.

Mas o tempo não pára, passa apenas, nós acompanhamo-lo, e com ele agimos, crescemos, mudamos, transformamos…

Com o tempo,

“Um passeio pode transformar-se numa viagem/ um carreiro, de tão pisado, numa estrada.”

“O difícil torna-se fácil.”

Hoje é o tempo dos nossos protagonistas: pais, crianças, educadores e professores, que fazem da viagem da literacia um tempo bom, um tempo próspero… um importante tempo ganho em prol da Educação e da Igualdade de Oportunidades.

Hoje é a hora, é este o tempo, que não o percamos, que não o deixemos escapar…

“Com o tempo, conseguimos ver o tempo” … iremos recordar este tempo e vai ser bom!

Assim começava o painel 3, com moderação de Catarina Paiva, Oftalmologista Pediátrica, responsável pela Consulta de Baixa Visão do Hospital Pediátrico de Coimbra.

img_9597

Descrição da fotografia: Mesa painel 3: da esquerda para a direita Gilberto Baptista, Susana Pereira, Dr.ª Catarina Paiva, Paula Silva e Alice Henriques. 

Para partilharem a grande aventura que é trazer a literacia para os contextos naturais da criança contámos com a experiência das Educadoras Alice Henriques, Educadora de Infância da ELI de Tondela,  e Paula Silva, Educadora de Infância titular de sala de uma criança com cegueira legal, a frequentar o jardim-de-infância da Santa Casa da Misericórdia de Tondela.

Estas profissionais partilharam com o auditório o muito que as histórias nos permitem trabalhar. Através das histórias: “A lagartinha muito comilona” (editora Kalandraka), “Sopa de Nada” (OQO editora) e “Ainda nada?” (editora Kalandraka), estas educadoras desenvolveram um trabalho de acesso ao livro adaptado, onde não faltaram atividades completares de experiências  nos contextos naturais, que ajudaram as crianças a melhor compreenderem as narrativas e a desenvolverem conceitos (ida à frutaria, exploração e compra de legumes, confecção de uma sopa, exploração das várias fases de crescimento de uma borboleta, entre outras).

A mesa não estaria completa sem o olhar daqueles que das histórias usufruem e que ao sabor delas crescem. E quem melhor do que os pais para representarem as suas crianças?!

Susana Pereira e Gilberto Baptista, em representação do grupo de pais envolvidos no projeto OLEC,  conduziram-nos nesta viagem repleta de sentidos, onde partilharam com o auditório a forma como desenvolvem com os filhos competências inerentes ao processo de literacia emergente: promovendo o conhecimento do mundo por todos os sentidos, descrevendo objetos e situações do dia a dia, usando o maior número de recursos tácteis, auditivos e olfativos, contando histórias… Os pais retrataram, ainda, os desafios inerentes a este trabalho, em muito relacionados com a escassez de recursos e o facto dos existentes serem muito dispendiosos… No mesmo plano retrataram o ganho que sentem perspectivando a educação das suas crianças.

Não menos importante, a perspectiva das Crianças expressa na vídeo-reportagem “Uma geração de crianças de livros”, baseada no livro “A child of books”, de  Oliver Jeffers e Sam Winston

Um vídeo que retratou, pela voz das crianças, o envolvimento das mesmas no mundo dos livros e da imaginação.

3035

Descrição da fotografia: Capa do livro “A child of books”, de Oliver Jeffers e Sam Winston. 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s