Pequenos caminhos

Neste livro, como na vida, existem caminhos suaves,  completos, com orifícios, caminhos em ziguezague e outros com  ondas … E, finalmente, todos esses caminhos são um só: o caminho da vida!

Sinopse “Les petits chemins”

IMG_2783

Hoje apresentamos atividades decorrentes da leitura em voz alta do livro “Les petits chemins” -“Pequenos caminhos” (Editora Les Doigts Qui Rêvent). A história foi contada em voz alta com recurso ao álbum tátil ilustrado. Ao mesmo tempo que as crianças escutavam a história, exploraram tatilmente os caminhos que compõem as ilustrações do livro. Com texturas diversificadas que apelam a que a atenção se concentre no tato, as crianças foram desafiadas a seguir e a sentir!

IMG_2788.JPG

IMG_2805

IMG_2793

  • “Caminhos no trajeto para a escola”: estabelecendo ligação com as experiências reais de vida das crianças

Após a leitura, conversámos com as crianças sobre o trajeto que fazem para a escola: uns chegam à escola de carro, outros a pé… mas todos fazem diferentes caminhos, com curvas ou linha recta, com buracos ou por “alcatrão suave”!

  • “Caminhos que são linhas”: breve incursão pela pré-escrita 

O livro permitiu também conversar com as crianças sobre os diferentes tipos de linhas – linhas horizontais (deitadas); linhas verticais (em pé); linhas obliquas (inclinadas); linhas em ziguezague; linhas em onda…

Posicionámos uma régua em diferentes posição: horizontal, vertical e oblíqua.

As crianças realizaram o movimento de cada uma das linhas “desenhando no ar”, experimentando com as mãos e os braços movimentos distintos, que terão de utilizar no desenho e nas tarefas de pré-escrita.

Sabe-se que as capacidades de motricidade fina se desenvolvem durante o brincar com atividades construtivas e que envolvam o sistema tátil (ou sentido do toque) e o sistema propriocetivo (ou sentido da consciência do corpo) (Leão, 2019).

“Quanto mais oportunidades a criança tem de se envolver em atividades em que use as suas mãos para explorar o ambiente e objetos, mais ela estará a desenvolver as suas capacidades manuais e de motricidade fina e consequentemente mais preparada vai estar para as exigências da escrita!” (ibidem.) Com este livro foi realizado o planeamento motor dos movimentos necessários ao desenho de cada uma das linhas.

Como continuidade da actividade é interessante replicar as linhas em caixas de areia, com plasticina, com digitinta…

  • Reconto

Dada a sua estrutura simples e uma ilustração tátil muito representativa, este livro permite que as crianças sejam autónomas no reconto, envolvendo-se num exercício de leitura das ilustrações táteis e visuais.

img_2791.jpg

  • Outros caminhos

– “Vamos encontrar os caminhos?” um jogo onde as as crianças foram convidadas a encontrar um caminho indicado através de um cartão.  Ao adulto coube a tarefa de ler o cartão que a criança retirava de um baú, modelando o comportamento de leitura: – “Encontra o caminho em ziguezague”; “Encontra o caminho macio”; Encontra o caminho que é uma linha horizontal”; “Encontra o caminho onda”. As crianças seleccionavam o caminho tátil de entre três possibilidades apresentadas. 

IMG_2799.JPG

img_2797.jpg

IMG_2796.JPG

img_2800.jpg

Bibliografia: 

Escrever à mão. Uma atividade multisensorial!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s